Archive | Índia RSS feed for this section

Mumbai, Índia

29 dez

Mumbai - Praia de Chowpatty

Mumbai, antigamente conhecida como Bombaim, é a maior cidade da Índia e a capital do estado de Maharashtra. Mumbai era originalmente um conglomerado de sete ilhas no litoral do Konkan que com o tempo foram sendo reunidas para formar a cidade-ilha Bombaim. Esta ilha depois foi juntada com a ilha vizinha de Salsette. É uma das maiores cidades do planeta. Também abriga a favela de Dharavi, a maior do mundo, e o porto mais importante do país. Sua natureza de cidade mais eclética e cosmopolita da India é simbolizada na presença de Bollywood, o centro das indústrias do cinema e TV Hindi de influência global. Mumbai é a cidade mais ocidental e mais ocidentalizada da Índia, uma interessante mescla da antiga Índia com o moderno ocidente, o ponto mais próximo de uma possível “globalização” que inclua a Índia.

Mumbai possui a maior indústria cinematográfica do mundo e todo indiano que quer fazer carreira no cinema se instala aqui. Em termos de volume bruto de produção, Bollywood supera em muito Hollywood. A tal ponto que as estrelas esquecidas do Ocidente assinam contratos para aparecer nos filmes hindus, na esperança de encontrar uma nova juventude. Aqui, os atores assemelham-se a deuses e jovens de todos os meios lutam para conseguir um pequeno papel. O pessoal do cinema mora em casas grandiosas em subúrbios barulhentos e vive sob o temor permanente de um telefonema de um chefão da máfia para extorquir-lhe dinheiro.

Pontos de interesse

Portão da Índia: É um arco gigante construído em 1911 pelos ingleses na saída do porto para comemorar a visita do Rei George V e da Rainha Mary ao país. O cartão-postal está envolto a um animado parque com encantadores de serpentes, equilibristas, mágicos, entre outros artistas de rua.

Praia de Chowpatty: Apesar de não ser uma praia própria para banho, se tornou um dos lugares prediletos da cidade para assistir ao pôr do sol. Famílias, casais de namorados, trabalhadores, empresários vão à praia para caminhar na areia, e comer salgadinhos de arroz temperado com especiarias, servidos em cones de papel.

Templo Mumbadevi: Mumbadevi é a deusa patrona da comunidade Koli, os habitantes aborígenes da cidade, e a cidade foi batizada em sua homenagem. Muitos templos têm poço dos desejos, mas aqui o desejo é deixado na madeira: os devotos acreditam que a deusa realizará os desejos se uma moeda de prata for incrustada nos parapeitos do templo.

Mani Bhavan: Mani Bhavan foi a casa de Mahatma Gandhi de 1917 a 1934 e a base do movimento de desobediência civil que ajudou a derrubar o império britânico na Índia. O museu tem muitas fotografias, pertences e cópias de cartas para personagens como Roosevelt, Churchill e Hitler.

Quando visitar?

A melhor época para visitar Mumbai é entre os meses de outubro e março.

Informações úteis

  • Moeda: rúpia indiana
  • Idioma: Híndi e Inglês
  • Fuso horário: +5:30 (UTC)
  • Visto: a Índia exige visto de cidadãos brasileiros que viagem para lá, seja com a finalidade de trabalho ou turismo.
  • Clima: O clima de Mumbai apresenta duas estações definidas – a úmida e a seca. Na estação úmida, entre março e outubro, a temperatura ultrapassa 30°C, com alta umidade. As monções são características desta época do ano, entre junho e setembro, causando uma precipitação anual de 2.200 mm. A estação seca, entre novembro e fevereiro, apresenta níveis mais baixos de umidade e temperaturas moderadas. Os ventos setentrionais baixam a temperatura em Janeiro e Fevereiro. As temperaturas anuais variam entre 38°C e 11°C.
  • Maiores informações: http://www.maharashtratourism.gov.in (em inglês)

Nova Déli, Índia

3 set

Nova Déli - Templo de Lótus

Nova Déli é a capital da Índia. Com uma área total de 42,7 km², a cidade situa-se dentro da metrópole de Déli, e atualmente serve como sede do Governo da Índia. Projetada pelo arquiteto britânico Edwin Lutyens, Nova Déli é conhecida por seus bulevares amplos e cercados por árvores, e por ser sede de diversas instituições e monumentos nacionais. Desde 1947 é a capital do país, tendo já sido a capital da colônia britânica antes da independência (antes disso a capital colonial da Índia era Calcutá).

Pontos de interesse

Porta da Índia: é um monumento nacional situado em Rajpath, o coração da cidade indiana de Nova Déli. Homenageia os soldados mortos durante a Segunda Guerra Mundial e nas Guerras Afegãs. Este arco do triunfo, chamado inicialmente Memorial de Todas as Guerras Indianas, foi construído pelo arquitecto Edwin Lutyens para lembrar os soldados indianos caídos durante a Primeira Guerra Mundial e as Guerras Afegãs de 1919. Os nomes destes soldados, 85.000 no total, estão inscritos nas paredes do monumento.

Templo Akshardham: é o maior templo hindu do mundo. Planejado pelo sadhu Shastri Narayanswarupdas, foi construído com a ajuda de 3.000 voluntários e 7.000 artesãos. Akshardham, uma das maiores atrações da Índia, atrai cerca de 70% dos turistas que visitam Nova Déli.

Túmulo de Humayun: é o mais antigo mausoléu mogol de Nova Déli e uma das mais extraordinárias construções históricas da cidade. Foi a primeira das grandes construções do período mogol. O mausoléu foi mandado construir pela viúva de Humayun no século XVI em honra do seu marido. É declarado pela Unesco como parte do patrimônio mundial.

Jami Masjid: É a maior mesquita do país, em época de festivais seu pátio chega a receber 25 mil fiéis. Ela foi construída no século 17 pelo imperador Shah Jahan. Um mirante de 40 metros de altura proporciona uma bela vista de Nova Déli. É preciso deixar os sapatos do lado de fora (quem se incomoda em andar descalço pode usar meias).

Templo de Lótus: é uma Casa de Adoração situado em Nova Déli, e uma atração destacada na cidade. O templo foi projetado por Fariborz Sahba, um arquiteto do Irã, e levou 6 anos para ser completado, sendo que a construção iniciou no dia 21 de Abril de 1980, e o edifício foi formalmente dedicado à Unidade de Deus, Unidade da Religião e a Unidade da Humanidade em Dezembro de 1986. Nove portas se abrem em um salão central, capaz da sustentação de 2.500 pessoas. Um poucos mais de 40 metros de altura, sua superfície brilhante é de mármore branco, o templo parece às vezes flutuar acima de seus 26 acres, nove lagoas circunvizinhas. Desde sua inauguração à adoração pública em dezembro 1986, a Casa de Adoração Bahá’í em Nova Déli tem atraído mais de 50 milhão visitantes, o que o torna um dos edifícios mais visitados no mundo, mais até do que a torre Eiffel e o Taj Mahal.

Quando visitar?

Os melhores meses para visitar Nova Déli são janeiro, fevereiro, novembro e dezembro, que é quando o clima fica mais agradável.

Informações úteis

  • Moeda: rúpia indiana
  • Idioma: Híndi e Inglês
  • Fuso horário: +5:30 (UTC)
  • Visto: a Índia exige visto de cidadãos brasileiros que viagem para lá, seja com a finalidade de trabalho ou turismo.
  • Clima: Nova Déli apresenta um clima acentuadamente continental, devido à sua distância do litoral e das cadeias de montanha próximas. As temperaturas variam de 40°C, durante o verão, a cerca de 4°C durante o inverno. Déli possui um clima semi-árido, com grandes variações entre as temperaturas em cada estação. Os verões são longos, do início de abril a outubro, com a estação das monções no meio; enquanto os invernos começam em novembro e têm o seu auge em janeiro. A média de temperatura anual é de 25°C.
  • Maiores informações: http://www.delhitourism.gov.in (em inglês)

Agra, Índia

7 jan

Agra - Taj Mahal

Agra é uma cidade do estado de Uttar Pradesh, na Índia. Situa-se nas margens do rio Yamuna. Tem cerca de 1.400.000 habitantes. Foi fundada em 1566 pelo sultão Akbar.

Agra tem três Patrimônios Mundiais da UNESCO: o Taj Mahal (que faz com que a cidade seja mundialmente conhecida) e o Forte Agra na cidade e o Fatehpur Sikri nas proximidades. Há também muitos outros edifícios e túmulos dos dias de glória de Agra como a capital do Império Mughal.

Pontos de interesse

Taj Mahal: O Taj Mahal é um imenso mausoléu  de mármore branco, construído entre 1631 e 1648 por ordem do imperador Mughal Shah Jahan, em memória de sua esposa favorita. O Taj é um dos mais bem preservados e arquitetonicamente belos túmulos do mundo, uma das obras-primas da arquitetura muçulmana indiana, e um dos grandes patrimônios turísticos do mundo.

Forte Agra: O design do Forte Agra é similar ao Forte Vermelho em Delhi, mas consideravelmente melhor preservado. Tanto como palácio como uma estrutura defensiva, sua estrutura é feita principalmente de arenito vermelho.

Mehtab Bagh: esse jardim botânico oferece uma vista privilegiada do Taj Mahal, e fica afastado da multidão de turistas.

Sikandra: quatro portões de arenito vermelho levam ao complexo das tumbas: uma é muçulmana, uma é hindu, uma é cristã, e uma é a mistura escolhida por Akbar.

 Quando visitar?

A melhor época para visitar Agra é durante o inverno (de novembro a março), quando os dias são mornos e ensolarados, ideal para aproveitar a viagem.

Informações úteis

  • Moeda: rúpia indiana
  • Idioma: Híndi, Urdu e Inglês
  • Fuso horário: +5:30 (UTC)
  • Visto: a Índia exige visto de cidadãos brasileiros que viagem para lá, seja com a finalidade de trabalho ou turismo.
  • Clima: O clima de Agra é tropical de monções, com verões chuvosos e invernos secos.
  • Maiores informações: http://agra-india.com/
%d blogueiros gostam disto: