Viena, Áustria

15 dez

Viena - Hofburg

Viena – a capital da Áustria, centro cultural e político do país – é uma cidade antagônica. Ao mesmo tempo em que encontramos palácios imperiais, igrejas góticas e outros edifícios históricos de inigualável valor, sentimos o dinamismo da modernidade e a agitação da vida contemporânea. A cidade de Mozart, Beethoven e Schubert, entre outros, é uma capital que reflete a elevada qualidade de vida de seu país. Viena está repleta de jardins magnificamente cuidados, extensas áreas verdes e zonas de esportes aquáticos. Suas ruas são limpas e seguras, o transporte público é eficiente e pode-se passear tranquilamente por toda a cidade a pé ou em bicicleta.

Pontos de interesse

Palácio Schönbrunn: À primeira vista, o palácio de Schönbrunn imediatamente remete ao castelo de Versalhes, na França. Não menos imponente, mas mais comedido em suas dimensões, esse palácio oferece uma excelente perspectiva da suntuosidade do período imperial austríaco, principalmente em seu interior, que mescla afrescos em seus tetos, lustres magníficos, ornamentos luxuosos e salas temáticas extraordinariamente decoradas, como o salão circular chinês, que por uma entrada secreta exibe papéis de parede antiquíssimos e porcelanas que se camuflam entre suas paredes.

Palácio Hofburg: O palácio mais importante da cidade proporciona uma viagem aos tempos do Império. Dividido em três blocos, o conjunto abriga os apartamentos imperiais, com seus móveis, lustres, espelhos e tapetes suntuosos; uma ala inteirinha dedicada à imperatriz Sissi (uma das figuras mais encantadoras e carismáticas da história austríaca, que Romy Schneider eternizou numa trilogia famosa em Hollywood) e as salas que guardam o nababesco tesouro dos Habsburgo.

Wurstelprater: O parque de diversões Wurstelprater foi estabelecido em 1766 e se mantém em pleno funcionamento até os dias de hoje. Com ares nostálgicos, o parque parece um cenário saído direto do filme “Zumbilândia”. No Wurstelprater há duas opções de “Chapéu Mexicano”. Uma menor, para crianças, e o maior brinquedo do tipo no mundo, com 117 metros de altura.

Museumsquartier: Este complexo de museus, cafés, lojas e restaurantes, espalhados por uma praça onde acontecem shows e outros eventos, é um dos grandes representantes da Viena moderna. Entre os museus, o Leopold tem a maior coleção de Schiele e também bons representantes de Klimt, dois dos nomes mais renomados da arte austríaca. No Mumok, uma coleção de arte moderna e contemporânea se distribui por um caixote de basalto. No Kunsthalle, o forte são as exposições temporárias de fotos, vídeos e arte multimídia.

Quando visitar?

A melhor época para visitar Viena é de maio a outubro.

Informações úteis

  • Moeda: Euro
  • Idioma: Alemão
  • Fuso horário: +1 (UTC)
  • Visto: Brasileiros estão isentos de visto à turismo/negócios para a Áustria para permanência de até 90 dias.
  • Clima: Viena tem um clima continental úmido. A cidade tem verões quentes com temperaturas médias elevadas, de 22°C a 26°C, com máximas superiores a 30°C e mínima em torno de 15°C. Os invernos são relativamente frios, com temperaturas médias em torno do ponto de congelamento, e queda de neve que ocorre principalmente entre dezembro e março. A primavera e o outono são suaves.
  • Maiores informações: http://www.wien.info/en (em inglês)
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: