Veneza, Itália

13 dez

Veneza - Gôndolas

Veneza é uma cidade e comuna italiana da região do Vêneto, província de Veneza no nordeste da Itália. A cidade é classificada como Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Veneza é na atualidade uma cidade de artes por excelência, erguida no meio de um lago, com ruas aquáticas onde veículos (o que inclui ambulâncias, carros funerários, ônibus etc.) são barcos, tudo circundado por vielas, becos, pontezinhas e praças com todos aqueles dourados e surpreendentes detalhes escondidos em sua arquitetura bizantina. Tudo fruto da miscelânea de povos que passaram pela cidade, que foi importante ponte entre Ocidente e Oriente. Veneza é muito mais que cafés caros e gôndolas de um gosto romântico discutível. Veneza é uma amostra de onde a criatividade do homem pode chegar. E ela inspira criatividade.

Pontos de interesse

Gôndolas: as românticas embarcações também são uma opção aos casais apaixonados – e que se dispõem a pagar caro pelo passeio. Existem em torno de 426 gondoleiros espalhados pela cidade.

Basílica de São Marcos: é a mais famosa das igrejas de Veneza, e um dos melhores exemplos da arquitetura bizantina. Localizada na Praça de São Marcos, ao lado do Palácio dos Doges, a basílica é a sede da arquidiocese católica romana de Veneza desde 1807.

Palácio Ducal: é um símbolo da cidade de Veneza e uma obra-prima do gótico veneziano. O palácio atual foi construído entre 1309 e 1424. Giovanni Bon e Bartolomeo Bon criaram a chamada Porta della Carta, um monumental portão em estilo gótico tardio na Piazzetta, ao lado do palácio. Antiga sede do Doge de Veneza e da magistratura veneziana, seguiu-lhes a história, dos alvores à queda, e é hoje sede do Museo di Palazzo Ducale e faz parte da Fondazione Musei Civici di Venezia.

Galleria Dell’academia: um clássico local, promove uma viagem por cinco séculos de arte veneziana. Farto em obras de Tintoretto, Ticiano, Tiepolo, Veronese, Canaletto, entre outros.

Praça de São Marcos: é o principal destino turístico de Veneza, com permanente abundância de fotógrafos, turistas e pombos. Atribui-se a Napoleão Bonaparte, embora muito provavelmente o deva fazer-se a Alfred de Musset, a autoria do epíteto de le plus élégant salon d’Europe (o salão mais belo da Europa). Também é um dos únicos grandes espaços urbanos numa cidade européia onde as vozes das pessoas se impõem sobre os sons do tráfego motorizado, o qual está restrito aos canais da cidade.

Quando visitar?

Os melhores meses para visitar Veneza são maio, junho, setembro e outubro.

Informações úteis

  • Moeda: Euro
  • Idioma: Italiano
  • Fuso horário: +1 (UTC)
  • Visto: Brasileiros que desejam viajar para a Itália e permanecer no país por até 90 dias, não precisam apresentar um visto na hora do desembarque.
  • Clima: O clima de Veneza tende para o regime continental, e pode ter Invernos rigorosos e verões quentes. A temperatura média anual é de 10ºC.
  • Maiores informações: http://www.turismovenezia.it/ (em italiano)

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: