Varsóvia, Polônia

9 dez

Varsóvia - Castelo Real de Varsóvia

Varsóvia é a capital e maior cidade da Polônia. Para muitas pessoas, o nome Varsóvia traz lembranças meio cinzentas, do sombrios períodos do domínio nazista e da ocupação soviética. Apesar de uma nova cidade abrir-se aos turistas, não há como contornar as marcas da história. Varsóvia ficou arrasada depois da Segunda Guerra Mundial, e quase tudo do que se vê hoje foi reconstruído nas últimas décadas. O belo Centro Antigo (Stare Miasto), refeito tijolo por tijolo segundo maquetes, fotos e quadros antigos, foi declarado pela UNESCO, em 1980, Patrimônio Cultural da Humanidade. Além do lado histórico, Varsóvia tem um viés cultural que so cresce desde a queda do Comunismo. Novos clubes, teatros, centros culturais e restaurantes abriram as portas nos últimos anos e tornaram a cidade muito mais vibrante.

Pontos de interesse

Castelo Real de Varsóvia: é um antigo palácio real polaco que serviu de sede ao Sejm e ao senado da Rzeczpospolita, vindo a ser também residência oficial aos Reis da Polônia. Situa-se na Plac Zamkowy (Praça do Castelo), à entrada da Cidade Velha. O castelo é um símbolo da soberania e da história polaca. As suas origens somam quase sete séculos e a sua presente estrutura evoluiu por fases desde o século XIV.

Centro Velho: o Centro Velho de Varsóvia na verdade é muito novo. Totalmente destruído na II Guerra Mundial, foi totalmente reconstruído, e o resultado é esplendoroso. O Centro Velho hoje é a alma de Varsóvia e seus “antigos” edifícios mal dão pistas de que têm apenas algumas poucas décadas de idade. O próprio Castelo Real só teve sua reconstrução iniciada em 1971, sendo reinaugurado em 1984. Um momento de redenção e unidade nacionais durante o igualmente doloroso período comunista.

Museu do Levente de Varsóvia: é um emocionante e muito bem montado memorial que retraça a história, os momentos-chave e os personagens – famosos e desconhecidos – do ato final da resistência polonesa à ocupação nazista. As exposições permanentes trazem inteligentes soluções multimídia, relatos emocionantes, armas, meios de transporte, muitas fotografias, uniformes e também uma área dedicada às crianças e jovens que colaboraram nas linhas de combate. Na parte exterior do edifício está uma longa parede-memorial, com o nome daqueles que combateram pela liberdade na Polônia.

Palácio da Cultura e Ciência: o arranha-céu, símbolo de Varsóvia, foi um presente de Josef Stalin, que queria manter a influência sobre o país no pós-guerra. O prédio mais parece um bolo de aniversário e é, hoje, um palco cultural. Do terraço no último andar, uma bela vista do centro.

Quando visitar?

A melhor época para visitar Varsóvia é de maio a setembro.

Informações úteis

  • Moeda: Zloty
  • Idioma: Polonês
  • Fuso horário: +1 (UTC)
  • Visto: Brasileiros estão isentos de visto à turismo/negócios para permanência de até 90 dias.
  • Clima: O clima de Varsóvia é continental úmido, com invernos relativamente frios e verões suaves. A temperatura média é de -3°C em janeiro e 19°C em julho. As temperaturas podem chegar muitas vezes a 30°C no verão.
  • Maiores informações: http://www.warsawtour.pl/en (em inglês)
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: